sex. maio 24th, 2024

Justiça decreta prisão preventiva para autor de feminicídio em Cáceres

By Redação fev19,2024

O autor do feminicídio de Viturina Ares Cebalho, de 48 anos, ocorrido na noite de sábado em Cáceres, teve o flagrante convertido em prisão preventiva pelo Poder Judiciário nesta segunda-feira (19), após representação da Polícia Civil.

W.C.C., 50 anos, assassinou a ex-mulher na noite de sábado, após pular o muro e invadir o estabelecimento comercial dela no bairro Jardim das Oliveiras, onde ela também residia com os dois filhos menores de idade.

O criminoso, que não aceitava o fim do relacionamento, atacou a vítima quando ela saía do banheiro do bar, desferindo golpes de faca contra o seu pescoço. Em seguida, tentou tirar a própria vida cortando também o próprio pescoço.

A intervenção da Polícia Militar ocorreu após denúncias de moradores da vizinhança, que relataram a presença do ex-casal no interior do estabelecimento. No local, encontraram a vítima caída próximo ao agressor, ambos feridos. W.C.C. confessou o crime, alegando não aceitar o término do casamento.

Os bombeiros atestaram o óbito de Viturina no local. Já o autor do crime foi socorrido ao Hospital Regional de Cáceres e, após atendimento médico, encaminhado à unidade do Sistema Penitenciário local, sob custódia policial.

Viturina Cebalho já possuía medida protetiva contra o ex-companheiro, solicitada em julho do ano anterior. Ela deixa dois filhos, um menino de 14 anos e uma menina de 12 anos.

Para reportar casos de violência doméstica ou sexual, utilize os seguintes canais:

  • 197 e 181 (Disque Denúncia da Polícia Civil)
  • 180 (Central Nacional de Atendimento à Mulher)
  • 190 (Polícia Militar)
    Ou procure a delegacia mais próxima.

A Polícia Civil de Mato Grosso oferece o aplicativo SOS Mulher MT, disponível para celulares Android e iOS, fornecendo recursos como endereços das delegacias, denúncias, acesso à Medida Protetiva online e Botão do Pânico.

#Feminicídio #ViolênciaDoméstica #Justiça #Cáceres #SOSMulherMT #Cuiabá40Graus

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *