Motorista que atirou em carro durante briga de trânsito não tem porte nem registro da arma, diz polícia

By Redação jun18,2024

Motorista atira em carro durante briga de trânsito em Boituva (SP) — Foto: Reprodução/Redes sociais

Advogado de Adriano Domingues da Costa entregou a arma, que está com a numeração raspada, utilizada no crime à polícia, na tarde desta segunda-feira (17). Justiça decretou a prisão temporária do motorista, que é considerado foragido desde sábado (15).

motorista que atirou em um carro durante uma briga de trânsito na Rodovia Castello Branco (SP-280), em Boituva (SP) , na sexta-feira (14), não tem porte nem registro da arma utilizada no crime. A informação foi confirmada pela Delegacia Seccional de Itapetininga (SP) na tarde desta segunda-feira (17).

O advogado de Adriano Domingues da Costa, Luiz Carlos Tucho de Souza, entregou a arma à polícia, uma pistola calibre.380, com numeração raspada. Ele afirmou que o seu cliente vai se apresentar à polícia, porém, só depois que ficar por dentro de todos os fatos.

Arma usada após briga de rodovia de rodovia do Boituva (SP) é entregue à polícia — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Arma usada após briga de rodovia de rodovia do Boituva (SP) é entregue à polícia — Foto: Polícia Civil/Divulgação null

Vídeos da confusão viralizaram nas redes sociais (assista abaixo). Nas imagens, é possível ver o momento em que Adriano dispara três vezes contra o carro do casal William Isidoro e Gabrielle Gimenez, sendo um tiro na direção da passageira Gabrielle e dois no pneu do veículo.

A Polícia Civil registrou um boletim de ocorrência por tentativa de homicídio por motivo fútil, e a Justiça decretou a prisão temporária de Adriano, que está foragido. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Itapetininga.

Briga de trânsito

Segundo a Polícia Civil, a confusão começou entre 13h30 e 14h de sexta-feira, dia 14 de junho, na Rodovia Castello Branco (SP-280), em Boituva.null

Segundo o casal William e Gabrielle, o carro deles teve a lateral atingida pelo veículo de Adriano. Após o impacto, o casal teria feito contato com Adriano solicitando uma parada para checar os danos da batida.

Já a defesa de Adriano alega que William atingiu a traseira da caminhonete dele primeiro e, durante 40 minutos, teria seguido o veículo e ameaçado a família dele. Adriano, a esposa e os filhos estavam viajando para o interior do estado para comemorar o aniversário de casamento do casal.

Motorista atira em carro durante briga de trânsito em Boituva 

Conforme a defesa do casal, em determinado momento, os dois carros pararam às margens da rodovia para que os motoristas se acertassem, porém, uma discussão começou. Foi então que, segundo eles, Adriano desceu armado do veículo e deu uma coronhada no vidro do passageiro do carro do casal, onde Gabrielle estava sentada.

Nos vídeos que circulam nas redes sociais é possível ver Adriano dando as coronhadas com a arma na janela e questionando: “o que você quer, filho da p*? Tá feliz, seu filho da p*?”. Por fim, ele e a mulher voltam para o veículo.

Um pouco mais à frente da rodovia, os carros pararam mais uma vez, segundo a advogada do casal. Desta vez, Adriano pediu que as vítimas abaixassem os vidros e, quando não obedeceram, ele se afastou do veículo e disparou contra o pneu e o vidro dianteiro do carro das vítimas.

Conforme a defesa de William e Gabrielle, foram cinco disparos ao todo, com a intenção de atingir o casal. Também é possível ver este momento nos vídeos divulgados na internet. Depois disso, todos foram embora e ninguém se feriu.

Investigação

Carro de homem que atirou contra outro veículo em briga de trânsito é localizado na cidade de Piraju (SP) — Foto: Polícia Civil/Divulgação 

Com base nas imagens que circulam na internet, um boletim de ocorrência foi registrado pela Polícia Civil por tentativa de homicídio por motivo fútil. Além disso, uma solicitação foi feita pela polícia à Justiça, que decretou a prisão temporária de Adriano. Desde sábado (15), o motorista é considerado foragido. 

Ainda no sábado, a Polícia Civil apreendeu o veículo do suspeito em uma pousada em Piraju (SP), a cerca de 215 quilômetros de distância de Boituva. Segundo a corporação, Adriano fugiu do local antes da chegada da equipe.

Já no domingo (16), os policiais cumpriram um mandado de busca e apreensão na casa do suspeito em Mairiporã (SP)

No endereço, foram apreendidos um cofre, uma tonfa – tipo de arma branca originária das artes marciais de Okinawa, no Japão – e o passaporte de Adriano. Imagens de câmeras de segurança registraram a ação da polícia no imóvel (assista abaixo).

Polícia cumpre mandado na casa de homem que atirou contra carro durante briga de trânsito Polícia Civil de Itapetininga (SP) cumpriu um mandado de busca e apreensão na casa de Adriano Domingues da Costa — Foto: Polícia Civil de Itapetininga/Divulgação 

Related Post