Sequestro e Extorsão em Rondonópolis: O Perigo das Negociações Online

By Redação jun26,2024

Carro da vítima foi abandonado – Foto: PM

Nesta segunda-feira (24), dois homens de 34 e 56 anos foram vítimas de extorsão mediante sequestro e roubo, após marcarem um encontro pela internet para negociar a compra de um carro, no bairro Jardim Taiti, em Rondonópolis-MT.

A situação teve início quando uma das vítimas relatou à Polícia Militar que havia negociado um veículo anunciado nas redes sociais pelo WhatsApp. O encontro com o suposto vendedor foi marcado na rua Corredor Municipal.

Ao chegarem no local combinado, as vítimas foram surpreendidas por dois indivíduos que chegaram em uma moto Biz vermelha, vestidos com blusa de frio e calça preta. Os criminosos, armados com uma pistola, renderam as vítimas e as forçaram a entrar em um carro. Em seguida, foram levadas para um cativeiro, localizado na residência de um dos suspeitos.


Material apreendido – Foto: PM

No cativeiro, as vítimas foram submetidas a tortura. Os sequestradores tentaram realizar uma transferência via Pix no valor de R$ 40 mil, mas não obtiveram sucesso. Diante disso, um dos suspeitos, juntamente com a vítima de 56 anos, foi até uma agência bancária na avenida Cuiabá, onde a vítima foi forçada a fazer transferências para diferentes contas.

Durante a permanência na agência, a vítima conseguiu ligar para o 190, acionando a Polícia Militar. Imediatamente, uma guarnição foi enviada ao possível cativeiro. Ao chegar ao local, um dos suspeitos conseguiu fugir pulando o muro, enquanto o homem de 34 anos foi libertado em outro local.

Os criminosos ainda fugiram com o carro de uma das vítimas, mas posteriormente abandonaram o veículo na região central da cidade. Todos os detalhes do ocorrido estão registrados no Boletim de Ocorrência (BO).

Este caso ressalta os riscos associados às negociações online e a importância de tomar precauções ao marcar encontros para transações. A Polícia Militar continua investigando o caso na tentativa de capturar os responsáveis pelo crime.

Related Post